português english  
     adicionar a favoritos  indique este site  
praias & litoral | onde comer | onde ficar | e-cards | downloads | imóveis no litoral | entidades ambientais | tô aquinapraia | artesanato | contatos | home
 
[publicidade]

Maragogipinho

          O Distrito de Maragogipinho, próximo da cidade de Nazaré das Farinhas, no Estado da Bahia, tem como principal atividade econômica o trabalho com o barro. É considerado o maior centro de produção de cerâmica artesanal da Bahia e há quem afirme ser um dos maiores pólos da cerâmica artesanal da América Latina. Fica localizado a três horas de Salvador (de carro, passando pela Ilha de Itaparica, via ferry boat), cerca de 230 km aproximadamente.

          Sua cerâmica é produzida em cerca de 60 oficinas/ateliês, todas bem rústicas, feitas em torno manual e assadas em forno, também artesanal. A habilidade dos ceramistas impressiona. Cada um chega a fazer de 700 a 1200 caxixis num dia. Os caxixis são miniaturas de feitas de barro como panelas, colheres e animais destinados, originalmente, com uma finalidade lúdica: jogos e brinquedos.

          Os artesãos com rudes ferramentas modelam, decoram e queimam potes, moringas, vasos, pratos, tigelas, jarros, esculturas, objetos, santos, totalizando milhares de peças todos os meses, objetos que apresentam em sua forma nítidas influências indígenas e portuguesas.

       As primeiras olarias do local, situado às margens do Rio Jaguaripe, foram construídas pelos Padres Jesuítas há cerca de 300 anos. Desde então, o saber da atividade vem sendo transmitido de pais para filhos.

Pesquisa, texto e fotos: Renato Wandeck
http://www.ceramicanorio.com/


 
NazarÉ “das Farinhas”

          A cidade de Nazaré as margens do rio Jaguaripe, famosa pela Feira dos Caxixis e a farinha de copioba produzida na região. Importante entreposto comercial ficou conhecida como Nazaré das Farinhas por causa da intensa produção e comercialização da farinha na região, onde especializou-se como porto “farinheiro no século XIX.

       A farinha de mandioca produzida com a mesma técnica indígena , servia para abastecer a frota e foi amplamente utilizada pelos municípios produtores para o pagamento de contribuições à Metrópole.

          A Feira dos Caxixis se realiza, anualmente, durante a Semana Santa. Esta tradição secular leva milhares de visitantes à cidade a partir de quinta-feira. Paralelamente ao evento, ocorre a encenação da Paixão de Cristo e shows musicais.
[ ^ ]


 
 
 ×××  zoom agência ponto.net :: copyrigth 2001 - (71)9129-6854 ×××